Uso do biomarcador renal dimetilarginina simétrica no diagnóstico precoce da insuficiência renal crônica em cães e gatos

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Gabriela Bócoli Martins de Oliveira
Kelly Cristina Teixeira
Débora Quioqueti de Souza Franco
Fernanda Leme Silva Bastos Varzim

Resumo

A doença renal é comumente encontrada na clínica de pequenos animais, porém o seu diagnóstico é geralmente muito tardio. Pesquisas por biomarcadores renais mais sensíveis são foco de estudos, pois poderão proporcionar um diagnóstico precoce, permitir o estabelecimento da terapia adequada a cada paciente e melhorar a sua qualidade de vida. O biomarcador renal Dimetilarginina Simétrica (SDMA), tem apresentado resultados significativos em termos de precocidade para o diagnóstico da doença renal, podendo detectar lesão renal quando 50% da função está comprometida. O presente trabalho faz uma revisão da situação atual e perspectivas do emprego da dimetilarginina simétrica para estabelecimento do diagnóstico da doença renal em cães e gatos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
OliveiraG. B. M. de; TeixeiraK. C.; FrancoD. Q. de S.; VarzimF. L. S. B. Uso do biomarcador renal dimetilarginina simétrica no diagnóstico precoce da insuficiência renal crônica em cães e gatos . Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 18, n. 3, 19 nov. 2020.
Seção
CLÍNICA E CIRURGIA DE PEQUENOS ANIMAIS