Pneumotórax espontâneo primário devido bolha pulmonar em cão

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Matheus Serrano Vasconcelos Monteiro
Roberto Alexandre Sassaki
Larissa Rodrigues Marchini
Yasmin Ribeiro Koba
Monica Carolina Nery Wittmaack
Paola Castro Moraes

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo relatar um caso de pneumotórax espontâneo primário decorrente de bolha pulmonar em um cão. O paciente, fêmea, sem raça definida (SRD), de 25 kg e com 10 anos de idade foi atendido com quadro de taquipneia e histórico de pneumotórax recorrente, a radiografia torácica confirmou o pneumotórax e a tomografia computadorizada, após toracocentese emergencial, confirmou a presença de bolha pulmonar no lobo cranial esquerdo. O tratamento cirúrgico foi realizado com lobectomia parcial por toracotomia intercostal que, apesar de não ser o recomendado pela literatura, permitiu menor tempo cirúrgico e menor trauma. No acompanhamento pós-operatório de 10 dias o paciente teve recuperação completa, sem complicações ou recidivas do quadro.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
MonteiroM. S. V.; SassakiR. A.; MarchiniL. R.; KobaY. R.; Wittmaack M. C. N.; MoraesP. C. Pneumotórax espontâneo primário devido bolha pulmonar em cão. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 19, n. 1, 30 abr. 2021.
Seção
PATOLOGIA ANIMAL