Castração pré-púbere e suas consequências: revisão de literatura

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Larissa Rodrigues Marchini
Ana Carolina de Andrade Leite de Camargo
Lizandra Amoroso

Resumo

A cirurgia de castração é considerada uma das técnicas cirúrgicas mais realizadas na rotina veterinária e a idade ideal para a sua execução ainda é contraditória entre os médicos veterinários, uma vez que os estudos sobre este tema relacionados a alguns fatores, como raça e espécie, são escassos. É tida como método de contracepção, controle de zoonoses e método preventivo e terapêutico de algumas enfermidades como as afecções do sistema reprodutor. A castração pré-púbere é amplamente aplicada em diversos países, porém a literatura expõe certas consequências desta prática, como o aumento do risco de aparecimento de algumas enfermidades como afecções urogenitais, obesidade, diabetes mellitus, afecções musculoesqueléticas e neoplasmas. Assim sendo, esta revisão de literatura pretende abordar a castração pré-púbere e suas consequências com o objetivo de contribuir nas decisões dos profissionais veterinários, além de colaborar com estudos futuros.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
MarchiniL. R.; CamargoA. C. de A. L. de; AmorosoL. Castração pré-púbere e suas consequências: revisão de literatura. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 19, n. 1, 1 out. 2021.
Seção
CLÍNICA E CIRURGIA DE PEQUENOS ANIMAIS